Web Site

Quem somos

BANNER i3GFundado em 9 de setembro de 1999 com a denominação social de Instituto de Inteligência Jurídica e Sistemas – IJURIS (Ver Legado IJURIS) como sociedade civil sem fins lucrativos, realiza avançadas pesquisas e desenvolvimentos científicos e tecnológicos, obtendo assim reconhecimento nacional e internacional em diferentes dimensões.

Em 2008 alterou sua denominação social para Instituto de Governo Eletrônico, Inteligências e Sistemas – i3G. O novo nome representa e consolida o modelo de atuação e a missão do Instituto, ou seja, 3G significa Inteligências para Governo, onde a Inteligência Artificial, Inteligência de Governo e Inteligência Social formam uma sinergia de conhecimentos para o fortalecimento da cidadania.

Temos como Missão “Desenvolver conhecimento aplicado para o fortalecimento da cidadania”.

 

Founded in September 9, 1999 under the name of Legal Intelligence and Systems Institute – IJURIS as a non-profit civil society, conducts advanced scientific research and technological development, achieving national and international recognition in different dimensions.

In 2008 changed its name to E-Government, Intelligence and Systems Institute – i3G. The new name represents and consolidates the operating model and the mission of the Institute. 3G means Intelligences for Government, where Artificial Intelligence, Government Intelligence and Social Intelligence form a synergy of knowledge to strengthen citizenship.

Our mission: “Build applied knowledge to the strengthening of citizenship”.

 

O Instituto de Governo Eletrônico, Inteligências e Sistemas – I3G é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, legalmente registrada no Ministério da Justiça sob o nº 08015.000009/2003-14.
O Instituto I3G tem por finalidade, de acordo com seu estatuto, promover, mediante pesquisa, criação e desenvolvimento, a difusão do conhecimento e avanço da ciência e tecnologia; promovendo o desenvolvimento da inovação tecnológica especialmente nas áreas de educação e Tecnologia de Informação; buscando estudos de novas pedagogias e propostas metodológicas de aplicabilidade em escala global, para que gerem uma educação virtual acessível; visa ainda, organizar, desenvolver e manter uma rede de comunicação virtual facilitando o uso de informações educacionais e científicas e tecnológicas; cooperando com os diferentes setores da sociedade buscando atingir um desenvolvimento sustentável; proporcionando o intercâmbio de experiências e facilitando o relacionamento, e a colaboração entre seus associados, entre esta e as demais instituições nacionais, internacionais e transnacionais; desenvolve e dissemina produtos e serviços; promovendo atividades para a difusão do conhecimento e técnicas que procuram contribuir para um desenvolvimento sustentável e melhorias das comunidades e entidades econômicas; o I3G, apóia ainda, instituições oficiais e privadas, para o desenvolvimento de projetos e produtos de educação virtual e ensino a distância em todos os níveis; promovendo, orientando e conduzindo pesquisas interdisciplinares na suas áreas de atuação; promove ainda, estudos e pesquisas, desenvolvimento de tecnologias alternativas, produção e divulgação de informações e conhecimentos técnicos e científicos que digam respeito às atividades mencionadas.
O Instituto I3G, não distribui entre os seus sócios ou associados, conselheiros, diretores, empregados ou doadores eventuais excedentes operacionais, brutos ou líquidos, dividendos, bonificações, participações ou parcelas do seu patrimônio, auferidos mediante o exercício de suas atividades, e os aplica integralmente na consecução do seu objetivo social.

The Instituto of e-government, Inteligences and Systems – i3G is a Civil Society Organization of Public Interest, legally registered with the Ministry of Justice under number 08015.000009 / 2003-14.
The I3G Institute aims, according to its statute, to promote, through research, creation and development, the dissemination of knowledge and the advancement of science and technology; Promoting the development of technological innovation especially in the areas of education and Information Technology; Seeking studies of new pedagogies and methodological proposals of applicability on a global scale, so that they manage an accessible virtual education; Aims to organize, develop and maintain a virtual communication network facilitating the use of educational and scientific and technological information; Cooperating with the different sectors of society seeking to achieve sustainable development; Providing the exchange of experiences and facilitating the relationship and collaboration between its members, between this and other national, international and transnational institutions; Develops and disseminates products and services; Promoting activities for the diffusion of knowledge and techniques that seek to contribute to a sustainable development and improvements of communities and economic entities; The I3G also supports official and private institutions for the development of projects and products of virtual education and distance education at all levels; Promoting, guiding and conducting interdisciplinary research in its areas of activity; It also promotes studies and research, development of alternative technologies, production and dissemination of information and technical and scientific knowledge related to the mentioned activities.
The I3G Institute does not distribute any operational, gross or net operating surpluses, dividends, bonuses, interests or portions of its assets, among its members or associates, directors, officers, employees or donors, accruing through the exercise of its activities, and applies them Fully in pursuit of its social objective.

Diretoria

Wandergell Lins Fernandes Leiroza
Presidente da Diretoria Executiva e Diretor Financeiro

Angela Iara Zotti
Diretora Administrativa

 

 

Board of Directors

Wandergell Lins Fernandes Leiroza
President of the Executive Board and Financial Director

Angela Iara Zotti
Managing Director

 

Certificação

 

[ SELO ] SITE I3GMPS-Br Nível G [ 2013 – 2016 ]

2013-2016: Certificação em Melhoria de Processo de Software Brasileiro (MPS.BR).  É um selo de qualidade e um modelo de referência em qualidade para processos de desenvolvimento de sistemas de tecnologia da informação. A certificação do nível G garante a gerência de projetos e requisitos para desenvolvimento de sistemas com maior qualidade e transparência.

 

 

Prêmios

 

MARQUIS

Marquis Who’s Who [ 2009 – 2007 ]

2008-2009: Inclusão na Who’s Who in Science and Engineering pela pesquisa e inovação na produção individual, com significativa relevância para a área de Tecnologia da Informação.

2007: Inclusão da Dra. Tânia Cristina D’Agostini Bueno pelo seu trabalho como Presidente no Instituto e relevância das pesquisas na área de Tecnologia da Informação.

 

 

 

CONIP [ 2005 – 2003 ]

CONIP

2005: Prêmio Excelência em Informática Aplicada aos Serviços Públicos (Prêmio CONIP – finalista), pelo projeto Observatório de Arranjos Produtivos Locais, em parceria com o  Instituto Euvaldo Lodi em Santa Catarina (IEL/SC).

2004: Prêmio Excelência em Informática Aplicada aos Serviços Públicos (Prêmio CONIP – finalista). Projeto Gestão de Conhecimento com Inteligência Artificial, desenvolvido para a Secretaria de Acompanhamento e Estudos Institucionais da Presidência da República (SAEI/PR) em parceria com a FAPEU; e pelo projeto Núcleo Catarinense de Tecnologia da Informação (NECATI), desenvolvido com apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP/MCT).

2003: Prêmio Excelência em Informática Aplicada aos Serviços Públicos (Prêmio CONIP), Categoria Fortalecimento da Cidadania, pelo projeto Fórum Eletrônico, que visa o desenvolvimento e a implantação de plataforma computacional na internet para a realização de processo judicial 100% digiotal, sem autos físicos.

 

EGOV

eGov [ 2002 ]

Prêmio Excelência em Governo Eletrônico – Prêmio e-Gov – Menção Honrosa por Relevância Social. Iniciativa da Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (ABEP) em parceria com o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), pelo projeto Observatório Brasileiro de Informações Sobre Drogas (www.obid.senad.gov.br), desenvolvido para o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI/PR) em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária (FAPEU).

Centro de Referência em Gestão do Conhecimento Título concedido pelo Ministério da Ciência e Tecnologia às instituições que obtiveram, em 2002, a aprovação de projetos de C&T apresentado ao Edital FVA/TIB (Fundo Verde Amarelo / Tecnologia Industrial Básica), chamada Centros de Referência. É o reconhecimento da aplicabilidade das tecnologias e metodologias desenvolvidas no Ijuris para a gestão de conhecimento no âmbito organizacional (setor público e privado).